Um time gigante

neres

Saudações tricolores!

Ontem o SPFC venceu a Ponte Preta por 2×0 no Morumbi e conseguiu se manter longe da possibilidade de rebaixamento. Não foi um primor de jogo, mas nessa altura do campeonato, o que importa mesmo, são os 3 pontos. E a vontade de vencer, ontem, esteve lá.

Wellington retornou. Mas o que também se viu foram alguns detalhes que muitas vezes não são citados nos grandes meios de comunicação jornalística. Ontem, mais de 49mil pessoas estavam no Morumbi. Estádio lotado! E não é nenhuma ‘Arena’, que com 15, 20 mil já parece lotado. Lotar o Morumbi não é fácil. E ontem, mais uma vez, a torcida esteve lá e fez o seu papel. Torcida essa tantas vezes chamada de ‘modinha’, que ‘só vai na boa’, ontem esteve no Morumbi, apoiando o SPFC.

Mais de 49 mil torcedores, apaixonados por essa camisa de três cores, que sabe que somos um time gigante. Um time com um histórico maravilhoso, de seis campeonatos brasileiros, sem asterisco, sem explicação de título dividido. Com três Libertadores e três Mundiais. Com estádio próprio, pago. E que nunca foi rebaixado.

O SPFC tem uma camisa muito pesada. Por isso que o torcedor se revolta quando o rebaixamento foi considerado. O SPFC é gigante, não dá pra pensar em rebaixamento, mas essa foi a realidade tricolor.

Ontem, David Neres foi um dos destaques. Não só pelos cruzamentos e pelo segundo gol, mas também porque pode ali estar nascendo mais um ídolo tricolor. Um garoto bom de bola, vindo de Cotia, que sabe a importância da camisa do SPFC. Garotos, quando bons de bola, tem que ser lançados no time principal. ‘Ah, mas pode queimar o garoto’. Não, acho que garoto que é bom, tem que vir e jogar. Tem que saber que o SPFC é gigante e tem que mostrar o seu valor. Hoje em dia o que mais vemos são garotos que se acham muito melhores do que verdadeiramente são, com uma equipe de empresários/consultores etc etc dizendo a eles como eles são bons. E na hora do campo, não são tudo isso. Então, acho que o SPFC mais do que nunca precisa dos garotos de Cotia. Garotos, como David Neres, bons de bola e que entendam o que é o SPFC.

Claro que não se findaram os problemas! Ricardo Gomes, infelizmente, continua sendo um técnico não a altura do SPFC, na minha opinião. Se 2016 foi um ano pra se esquecer, o planejamento de 2017 tem que ser melhor. A diretoria cometeu inúmeros erros e óbvio que o ideal era que Leco e companhia admitissem que não vem fazendo um bom trabalho. Que alguns literamente ‘pedissem pra sair’ (como Ataíde). Houve grandes erros. Erros que culminaram em muitas apresentações aquém da camisa que ali estava representada.

O campeonato ainda não acabou. Mas acredito que se o SPFC mantiver a mesma ‘pegada’, rebaixamento não é mais realidade. De toda forma, é necessário e urgente que se aprenda com os erros.

Acredito que Rogério Ceni terá participação no cenário tricolor em 2017. Mas talvez um consultor técnico seja melhor do que lançá-lo como técnico. Será que a melhor idéia é lançar um ídolo como Rogério, com um time pouco reforçado e com uma diretoria que não enxerga os inúmeros erros que comete? Não seria melhor preservar sua imagem? Eu acredito que Rogério poderia sim participar, mas não como técnico.

SPFC é um time gigante. É o time brasileiro com maior número de títulos nacionais e internacionais. Títulos válidos, não por fax ou que precisam ser explicados. Está mais do que na hora de quem veste a camisa tricolor entender o gigantismo desse time. Assim como muitos da imprensa também. Somos gigantes!

 

Thaís Cachuté Paradella.

IMG_20160403_092137

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s