Cobrança da torcida prejudica o time

622_3a9481ce-142a-36d4-b414-b49ff20ef2f5

Olá meus caros amigos leitores e torcedores do Mais Querido, sei que muitos de vocês estão irresignados, fazendo diariamente cobranças sobre a situação atual do clube. Não nego, o momento não está fácil, o SPFC mais parece um time mediano do que o Gigante que realmente é.

Mas, por outro lado, creio que precisamos ter bom senso, algo que falta para alguns torcedores, principalmente nas torcidas organizadas ou naqueles que possuem, mesmo que neguem, interesses alheios aos bons resultados do time em campo.

Critiquei aqui a arruaça feita por alguns torcedores no CCT semanas atrás. Repito, acho que cobranças são necessárias, mas devem ser razoáveis. O “8 ou 80” não é bom para nada.

Vejo também, que muita gente afirma por aí que “apoio o clube”, “estou com você sempre”, mas que – na verdade – nada mais faz do que ficar em cima do muro, criticando de forma desproporcional os fatos diários do mais amado. Ou seja, não há coerência.

Mas, voltando ao cerne da questão, temos que as cobranças devem ser sadias, mostrar a irresignação da torcida, a importância do clube e, principalmente, o tamanho do clube para aqueles que vestem a camisa e não compreendem o real significado.

Fato que corrobora que, a torcida foge ao razoável, é a afirmação do zagueiro Maicon, “God of Zaga”, deu para o portal UOL, na qual ela afirma que:

“Já passei por duas situações constrangedoras com cobranças em dia de lazer. Estava com minha mulher e meu filho e não quero que isso continue. Até por isso, o time precisa melhorar bastante”

Após ser indagado, Maicon completou:

“Foram palavras duras e eu estava com minha mulher. Mas estou acostumado e não me abato”

O fato é que, God Of Zaga é um zagueiro experiente, com maturidade o suficiente para fugir de qualquer possibilidade de embate com a torcida, mas, certo é que ele não está em paz.

É cristalino que ele se abateu, tanto que, com essa afirmação o site UOL começou a sua matéria.

Maicon ainda mencionou que está com a esposa e filho. Oras, qual o pai que não teme por sua família.

Você que está aí pilhando a torcida por interesses próprios, deveria se envergonhar. Queria saber qual seria sua conduta se estivesse no lugar do jogador.

Com certeza, estaria com receio, para dizer o mínimo.

Ademais, jogador com temor não desenvolve seu trabalho da melhor forma. E isso está sendo demonstrado dentro de campo.

Então, antes de você instigando a cobrança exacerbada, pense que o melhor é que a cobrança seja pautada no bom senso, demonstrando para os jogadores que, está ao lado deles, mas que irá cobrar sempre, desde que isso se limite à busca de melhores resultados.

Aurelio Mendes – @amon78

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s