Ricardo Gomes: solução ou problema?

RicardoGomes_011_crop_galeria

Ricardo Gomes (51), iniciou seu trabalho como técnico no PSG, sendo campeão da Copa da França e da Liga Francesa. No Brasil, atuou no Vitória sendo campeão baiano e da Copa do Nordeste em 1999. Porém, o torcedor são-paulino deve lembrar da sua passagem pelo Tricolor, em 2009, após saída de Muricy, Ricardo Gomes foi anunciado, disputou com o São Paulo até a última rodada e levou o time ao terceiro lugar e à disputa da Libertadores de 2010, após o término de seu contrato, Juvenal Juvêncio (presidente na época) preferiu não renovar. Assim, Ricardo foi anunciado no Vasco, onde conquistou a Copa do Brasil de 2011. Entretanto, durante um clássico entre Vasco e Flamengo, Ricardo teve um AVC que o afastou do esporte por 4 anos. No ano passado, assumiu o desafio de voltar na ativa, comandando o Botafogo. Agora, após a saída de Bauza, Leco o trouxe de volta. E no dia 13 de agosto, ele foi anunciado como técnico são-paulino.

Vamos aos números. Quando passou no São Paulo entre 2009 e 2010, foram ao todo 76 jogos e apenas 38 vitórias, 20 derrotas e 15 empates, totalizando aproveitamento de 59%. Já no seu último clube (Botafogo) os números melhoraram. Foram 27 jogos, tendo 15 vitórias, 6 empates e 6 derrotas, tendo assim 63% de aproveitamento.

Logicamente que não podemos julgar o treinador apenas por números, mas vemos claramente que nos últimos anos, seu aproveitamento tem melhorado bastante. Ricardo terá um grande trabalho pela frente, principalmente quando se trata da ofensividade são-paulina. O ataque tricolor arma a jogada, mas na hora de concluir, não conclui ou conclui mal. No último jogo (justamente contra o Botafogo) foram muitas bolas desperdiçadas, São Paulo entrega muita bola para o adversário e isso tem que acabar.

Ricardo Gomes não é e nunca foi o nome preferido da torcida, todavia não podemos recebê-lo com “7 pedras na mão”, como uma torcida que apoia e ama o time, temos que dar tempo a tempo e deixar o novo treinador trabalhar, dando voto de confiança a ele e ao Leco. O treinador iniciará os trabalhos nesta terça-feira, no CT da Barra Funda, e vai começar a armar o time que encara o Internacional, nesse domingo.

cabeçalho millen

Anúncios

2 pensamentos sobre “Ricardo Gomes: solução ou problema?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s